Prevenção do câncer de mama: afinal, qual a importância da mamografia?

importância da mamografia?

Entre as doenças que mais afetam a saúde das mulheres brasileiras está o câncer de mama. Por isso, no mês em que se comemora o Dia Nacional da Mamografia (5 de fevereiro), a Sociedade Brasileira de Mastologia (SBM) assim como outras instituições voltam a alertar sobre a importância da realização da mamografia preventiva.

Ainda que não seja possível evitar o aparecimento do tumor, este exame contribui para o rastreamento precoce, detectando o câncer de mama não-palpável, ou seja, que não pode ser identificado durante o autoexame ou exames clínicos. 

O diagnóstico precoce oferece grandes chances de recuperação, além de um tratamento adequado, contribuindo para a diminuição de 15% a 45% das mortes por câncer de mama. Contudo, uma pesquisa realizada pela SBM revelou que a cobertura total de rastreamento mamográfico na população feminina no Brasil ainda é baixa. 

Este motivo que torna fundamental o desenvolvimento de artigos como este, elucidando a relevância da mamografia anual para a prevenção do câncer de mama e outras doenças. Continue a leitura para saber mais sobre este assunto, compreendendo a importância do acompanhamento médico e exames preventivos.

O que é a mamografia?

A mamografia é um exame simples, no entanto, muito importante para auxiliar no diagnóstico precoce do câncer de mama. Este é o único exame cuja aplicação em programas de rastreamento apresenta grande eficácia comprovada para a redução da mortalidade do câncer de mama.

Quando e como surgiu o Dia Nacional da Mamografia?

O Dia Nacional da Mamografia foi instituído em 2013, a partir do Projeto de Lei da Senadora Maria do Rosário(PT-RS). O objetivo da data é a sensibilização e conscientização da importância em realizar o exame para a detecção precoce do câncer de mama, ajudando na prevenção e melhorando as chances de um tratamento efetivo. 

Qual a diferença entre prevenção e detecção da mamografia?

A prevenção e detecção precoce do câncer de mama são estratégias que têm o mesmo objetivo: a redução da mortalidade pela doença, entretanto, por vias diferentes. A prevenção pede que as pessoas adotem hábitos saudáveis, evitando a exposição a fatores ambientais de risco para reduzir as chances do desenvolvimento do câncer de mama, bem como analisar estratégias profiláticas para casos em que o risco seja elevado para a doença detectada geneticamente.

Já a detecção precoce por meio da mamografia é a forma das pessoas descobrirem a doença, caso ela esteja presente, cada vez mais cedo, possibilitando que o tratamento tenha grandes chances de cura. Juntas, as estratégias fazem parte de diferentes frentes do combate ao câncer de mama.

Qual o seu papel na prevenção do câncer de mama?

Segundo o INCA (Instituto Nacional de Câncer), o câncer de mama pode ser detectado em fases iniciais por meio da mamografia, aumentando as chances de tratamento precoce e cura. Dessa forma, uma das recomendações é que o rastreamento por meio do exame seja realizado em mulheres acima de 40 anos, ou em mulheres com idade inferior que apresentem casos na família.

O papel do exame é ajudar a identificar o câncer de mama antes do surgimento dos sintomas, período em que seu desenvolvimento já pode estar avançado, diminuindo as chances de cura e aumentando complicações para o tratamento.

De acordo com as Diretrizes para Detecção Precoce do Câncer de Mama, a mamografia é o método preconizado para rastreamento na rotina de atenção integral à saúde da mulher. Visto que, segundo informações do INCA, 70% das mulheres entre 50 e 69 anos têm acesso à mamografia e apenas 20% delas realizam o exame ao menos a cada 2 anos, é fundamental conscientizar a população da importância deste teste preventivo para a detecção precoce da doença, melhorando a qualidade de vida e assegurando um tratamento com grandes chances de cura.

Nesta leitura você pôde conferir a importância de manter a mamografia em dia. Por isso, não deixe sua saúde de lado. Realize o acompanhamento médico periódico de forma correta, prevenindo não só o câncer de mama, mas também, outras doenças que podem ser detectadas ainda no início com exames preventivos.

Este conteúdo foi útil? Então, veja também como funciona a mamografia digital!

Prevenção do câncer de mama: afinal, qual a importância da mamografia?
Equipe da Clínica CEU

Responsável pelo conteúdo: Dr Rogério Augusto Pinto da Silva - CRM: 13323 - MG. Currículo Lattes. http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4728497Y9

LEIA TAMBÉM