O que você precisa saber sobre DIU

A Organização Mundial da Saúde (OMS) considera o dispositivo intrauterino (DIU) um dos contraceptivos reversíveis - aqueles que não afetam a fertilidade - ,um dos métodos mais seguro e eficaz da atualidade. Ao contrário do resto do mundo, onde o DIU é um dos métodos anticoncepcionais mais utilizados, no Brasil ele é procurado por apenas 5% das ...

2 de junho de 2020

Onde colocar DIU em BH

O DIU é um método contraceptivo de longo prazo e é uma ótima opção, principalmente para mulheres que têm dificuldades de adaptação com outros métodos como a pílula e as injeções hormonais. Porém, segundo o último levantamento do Ministério da Saúde em 2017, menos de 2% das mulheres brasileiras utilizam o DIU, o que indica que falta informaç...

14 de junho de 2019

DIU de cobre ou hormonal: conheça as diferenças

Por ter um dos menores índices de falha entre os contraceptivos reversíveis - aqueles que não afetam a fertilidade após a interrupção do uso -, os dispositivos intrauterinos (DIUs) são métodos muito utilizados na Europa e nos Estados Unidos, embora ainda não seja muito popular no Brasil. Isso ocorre, principalmente, devido ao desconhecimento sobre os...

27 de dezembro de 2018

DIU: o que é, indicações e funcionamento

A Organização Mundial da Saúde (OMS) considera o dispositivo intrauterino (DIU) um dos contraceptivos reversíveis mais seguros e eficazes da atualidade. O DIU é um dos métodos anticoncepcionais mais utilizados no mundo e vem ganhando cada vez mais adeptas no Brasil. Com alta taxa de eficácia contraceptiva, baixos índices de efeitos colaterais e pr...

20 de setembro de 2018

Mitos e verdades sobre o DIU de cobre

O dispositivo intrauterino (DIU) é, atualmente, o método anticoncepcional reversível mais usado no mundo: cerca de 170 milhões de usuárias, ultrapassando de longe a pílula anticoncepcional, que tem cerca de 110 milhões de usuárias, segundo informações da Organização Mundial da Saúde (OMS). Mas, enquanto o DIU de cobre é o método anticoncepcion...

13 de agosto de 2018