O que é e quando fazer o Ultrassom 4D

A ultrassonografia obstétrica ajuda mães e pais a se prepararem para a chegada de seus filhos e a tomarem precauções necessárias para que ele nasça com a melhor saúde possível. O tradicional ultrassom 2D é mais do que indispensável, mas e quanto ao 3D e 4D, você sabe quando precisa fazer?

Passam-se as semanas de gestação e as futuros pais logo começam a criar expectativas sobre o sexo e as feições do bebê. O ultrassom 4D foi uma verdadeira revolução nesse sentido, pois passou a permitir que as características do feto fossem identificadas com mais detalhes dentro do útero.

Pensando nisso – e também nas possibilidades a mais que o ultrassom 4D oferece -, vamos abordar neste artigo os detalhes exame, quando fazê-lo e quais as diferenças entre ele e o 3D. Continue a leitura!

O que são o Ultrassom 2D, o Ultrassom 3D e o Ultrassom 4D?

Desde sua introdução à medicina obstetrícia, o ultrassom 2D (duas dimensões: imagem e som) ou ultrassom morfológico, tem sido indispensável para a realização de um bom pré-natal. Além do sexo do bebê, por meio dele é possível avaliar o desenvolvimento e a formação fetal, identificar síndromes e também malformações.

Com base no exame, medidas preventivas podem ser tomadas ao longo da gestação para impedir a continuidade de alguma doença infantil e garantir que o recém-nascido tenha a melhor saúde possível.

A ultrassonografia 3D, por sua vez, é uma evolução do método 2D, que torna o resultado mais próximo da realidade. A diferença aqui é que a imagem ganha profundidade e, por consequência, relevo, possibilitando que se vejam os detalhes da feição do feto.

Assim como no 2D, o exame tridimensional permite que se imprima uma foto, que pode ser a primeira lembrança visual do bebê.

Agora, chegando ao 4D temos mais um elemento acrescido ao exame que é o fato de as imagens em movimento e volume e o som poderem ser visualizados em tempo real, como um vídeo mesmo. Por meio dele, os pais podem ver o movimento de todo o corpo, como o abrir e fechar de boca, movimento das pernas, entre outros.

Como funcionam o Ultrassom 3D e o Ultrassom 4D?

Na prática todos os tipos de ultrassons são feitos da mesma forma: é passado um gel especial na barriga da gestante e o obstetra conduz o aparelho transdutor em toda a circunferência para pegar os diversos ângulos do feto. 

Na verdade, o que difere os exames é somente no processamento dessas imagens.

Quais doenças podem ser identificadas pelo ultrassom obstétrico

Uma das vantagens dos ultrassons 3D e 4D é a identificação de algumas doenças na gestação com informações a mais, como:

  • Problemas na coluna do bebê;
  • Lábio leporino;
  • Anencefalia ou hidrocefalia, que são malformações no cérebro;
  • Malformações no coração, intestino, rins e pulmões;
  • Síndrome de Down.

O interessante desses exames é que eles permitem análises mais aprofundadas do desenvolvimento do feto.

Quando fazer o Ultrassom 4D?

O período mais indicado para se realizar o exame de ultrassonografia 4D é entre a 26ª e a 30ª semana de gestação

Isso porque, neste período, o feto começa a criar tecidos gordurosos – depósitos de gordura – pelo corpo, permitindo melhor leitura e imagens mais nítidas de sua aparência e órgãos.

Após esse período é possível se obter boas imagens do bebê, mas o trabalho fica complicado devido ao seu crescimento, ocasionando menos espaço dentro do útero.

Os ultrassons 3D e 4D substituem o ultrassom morfológico em 2D?

Não. Apesar da validade clínica desses exames mais nítidos e o fato de eles permitirem que os futuros pais e mães tenham uma boa amostra da aparência do filho, eles não substituem a ultrassonografia obstétrica tradicional

Dessa forma, os pais mais cuidadosos e curiosos podem solicitar o exame em 3D ou em 4D após a realização do ultrassom convencional.

Neste artigo, você conheceu as diferenças entre esses exames e também quando fazer o ultrassom 4D. Reforçamos que a ultrassonografia obstétrica é um exame indispensável no pré-natal, mas pode ser acompanhado também dos exames em 3D e em 4D. 

A Clínica CEU realiza as ultrassonografias 3D e 4D. Além da certeza de atendimento profissional especializado e realizar seus exames em equipamentos de ponta, aqui você também pode gravar em DVD o vídeo do seu exame para guardar a lembrança do seu bebê.

Agende seu exame na Clínica CEU e garanta um pré-natal com todo o acompanhamento. 

O que é e quando fazer o Ultrassom 4D
Equipe da Clínica CEU

Responsável pelo conteúdo: Dr Rogério Augusto Pinto da Silva - CRM: 13323 - MG. Currículo Lattes. http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4728497Y9

LEIA TAMBÉM