Sobrepeso infantil: como a família pode ajudar?

O sobrepeso infantil se tornou uma grande preocupação para a OMS (Organização Mundial de Saúde) nos últimos anos. A alta prevalência da obesidade entre crianças e adolescentes alerta para o risco de adultos com fatores de risco aumentados para inúmeras doenças. 

Segundo a Organização Internacional World Obesity, o sobrepeso infantil atinge cerca de 158 milhões de crianças e adolescentes entre 5 e 19 anos. No Brasil, 9,4% das meninas e 12,4% dos meninos são considerados obesos. 

Com os novos hábitos adotados durante a pandemia, como forma de cumprir o distanciamento social, estes números têm aumentado com grande rapidez. Por este motivo, vamos apresentar no conteúdo de hoje, como a família pode ajudar diante do sobrepeso infantil. Confira!

Sobrepeso infantil na pandemia 

O confinamento causado pela pandemia da Covid-19, assim como a privação de brincadeiras e atividades ao ar livre, foram fatores determinantes para o aumento do sobrepeso infantil no último ano.

Grande parte das crianças e adolescentes deixaram de ir à escola, sair para brincar com os amigos, e praticar exercícios físicos de modo a manter o distanciamento. Com essa nova rotina, em que grande parte do dia é preenchida com lanches, atividades e brincadeiras em frente às telas de televisão e computador, a obesidade infantil voltou a ser uma preocupação para muitos pais.

Afinal, como forma de compensar a necessidade de ficar em casa, muitas crianças passaram a consumir alimentos ultraprocessados e sem valor nutricional pela sensação de prazer ofertada. 

Por que aderir à alimentação saudável?

A alimentação saudável é a melhor forma de prevenir o sobrepeso infantil. Por isso, ela deve ser introduzida na vida da criança desde os primeiros meses de vida. É na fase de introdução alimentar, a partir dos 6 meses, que os hábitos alimentares são formados, como a preferência por certos alimentos e recusa de outros. 

É importante que o bebê crie memória alimentar. Dessa forma, a variedade de alimentos ofertados é essencial para que a criança cresça com hábitos alimentares saudáveis. Além disso, a família deve aceitar a autonomia diante dos alimentos, respeitando a saciedade da criança.

As refeições em família devem ser realizadas para que os filhos observem o exemplo dos adultos, estimulando-os a aceitar novos alimentos. Da mesma forma, os alimentos pouco saudáveis devem ser evitados ou diminuídos.

Qual o papel da família na prevenção do sobrepeso infantil?

A família tem papel fundamental na prevenção do sobrepeso infantil. Pais ou responsáveis devem, além de introduzir uma alimentação saudável a rotina da criança desde os primeiros meses, ressaltar o lado positivo de se alimentar bem.

 Além disso, é necessário desenvolver atividades, principalmente durante o período de pandemia, para que a criança brinque praticando exercícios dentro de casa, melhorando o fortalecimento da musculatura, ossos, qualidade de sono e também humor.

Outro papel importante da família é controlar o tempo de uso de smartphones, televisão e computadores, visto que esse é um fator que favorece o sedentarismo, preenchendo o tempo da criança sem que ela pratique atividades físicas.

Como saber se o meu filho(a) está acima do peso?

O primeiro passo para entender se o seu filho está com sobrepeso infantil é por meio do monitoramento da evolução da criança. O diagnóstico da obesidade infantil depende não só do peso, mas também da altura, sexo e data de nascimento da criança. Dessa forma, de acordo com a classificação do IMC (índice de massa corporal) pela idade, é possível obter a avaliação do estado nutricional infantil. 

Durante o acompanhamento pediátrico de rotina, intervenções precoces podem ser realizadas quando observado o ganho de peso excessivo em crianças. Para isso, o acompanhamento médico da criança, assim como exames preventivos, são fundamentais para evitar o sobrepeso infantil.

Como ajudar?

As consultas para acompanhamento do crescimento e exames de rotina ajudam a evitar o sobrepeso infantil, assim como a identificá-lo. Ao ser constatada a obesidade, algumas mudanças nos hábitos da criança podem ser realizadas de forma rápida, evitando que ela desenvolva complicações ainda na juventude ou na vida adulta.

Você pôde conhecer melhor como a família pode ajudar no sobrepeso infantil. Além de promover hábitos saudáveis na vida da criança, consultas de rotina e exames preventivos devem ser respeitados, como forma de evitar problemas no futuro e oferecer um tratamento precoce.

Quer saber mais sobre cuidados com crianças? Então, confira 7 exames de rotina que as crianças devem fazer!

Sobrepeso infantil: como a família pode ajudar?
Equipe da Clínica CEU

Responsável pelo conteúdo: Dr Rogério Augusto Pinto da Silva - CRM: 13323 - MG. Currículo Lattes. http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4728497Y9

LEIA TAMBÉM