Dia Nacional do Cardiologista: a importância dos exames de rotina para o coração!

Comemorada em 14 de agosto, o Dia Nacional do Cardiologista é a data criada para valorizar os profissionais que cuidam da saúde do coração. Segundo o Cadastro Brasileiro de Ocupações, o Brasil conta atualmente com 22 mil cardiologistas. 

Devido ao aumento de casos de doenças cardiovasculares, o número destes especialistas também cresce a cada dia, atuando no diagnóstico, tratamento e prevenção de doenças e disfunções do sistema cardíaco. A seguir, você vai conhecer a importância de realizar exames de rotina para o coração, além de saber um pouco mais sobre o Dia Nacional do Cardiologista. Confira!

Por que o Dia Nacional do Cardiologista?

O Dia Nacional do Cardiologista é uma data estabelecida pela Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC). Criada em 2007, o dia procura valorizar este profissional, além de alertar para a importância da saúde do coração. A data também coincide com a fundação da própria SBC, em 14 de agosto de 1943.

Qual a importância de manter um acompanhamento médico periódico?

O Dia Nacional do Cardiologista nos lembra da importância de manter o acompanhamento médico com exames para o coração. Ao realizar consultas e exames periódicos, é possível conhecer os níveis de pressão arterial, taxas de colesterol, triglicérides, e outros importantes indicativos para a saúde.

 Dessa forma, o médico pode identificar alterações e ajudar na prevenção do desenvolvimento de doenças cardiovasculares, além de tratar algumas pré-existentes, iniciando tratamento precoce.

Conheça 4 hábitos para manter a saúde do coração em dia

Como forma de seguir o exemplo do Dia Nacional do Cardiologista, separamos 3 hábitos que podem ser facilmente realizados, de modo a manter a saúde do coração em dia. Acompanhe.

1. Tenha uma alimentação saudável e balanceada

O primeiro hábito que deve ser trabalhado é relacionado à alimentação. A forma como você se alimenta é responsável por manter o seu corpo funcionando de forma correta. Portanto, é importante ter uma dieta saudável e balanceada, que seja rica em frutas, verduras e comidas com fontes de proteínas, minerais e fibras.

Além disso, que tenha gorduras boas, como as que estão presentes no azeite, óleo de soja e milho, bem como em seus derivados, como os cremes vegetais. É indicado evitar frituras e excesso de gordura saturada, assim como açúcar e embutidos. 

Manter uma alimentação saudável e equilibrada proporciona energia e disposição, evitando também que você fique suscetível as doenças crônicas como obesidade, anemia, diabetes e hipertensão.

2. Pratique atividades físicas regularmente

A prática de atividades físicas contribui para melhorar a saúde do coração. Além disso, ajuda a diminuir os níveis de glicose, e contribui para a redução do risco de trombose. Por isso, o ideal é praticar atividades físicas diariamente, por cerca de 30 a 40 minutos, em ritmo moderado.

3. Faça o controle da pressão arterial

A hipertensão arterial é uma doença crônica que afeta vasos sanguíneos e prejudica a saúde do coração, cérebro e rins. Por esse motivo, é importante manter o controle da pressão arterial, por meio de consultas periódicas e exames de rotina, assegurando que os níveis estejam sempre normais e identificando caso não estejam dentro do valor indicado.

4. Mantenha os exames periódicos

Além dos hábitos indicados acima, para que você possa garantir a saúde do coração é importante realizar consultas de rotina. Dessa maneira, o médico cardiologista pode avaliar o funcionamento do sistema cardiovascular por meio de diversos exames, como o teste ergométrico, e identificar alterações.

Qual a importância de seguir as orientações médicas para os exames cardiológicos de rotina

De forma geral, os exames cardiológicos de rotina são indicados para pessoas com histórico de doenças cardiovasculares na família, assim como pessoas que fazem parte de grupos de risco. 

Contudo, os exames devem ser feitos por todos que se preocupam em manter a saúde do coração em dia. Os exames de rotina para o coração também servem para ajudar no acompanhamento de tratamentos diversos. Além de prevenir certas doenças, os exames podem diagnosticar casos como:

  • infarto agudo do miocárdio;
  • acidente vascular cerebral;
  • doença vascular periférica;
  • morte súbita, e mais.

Você pôde conferir neste artigo a importância do Dia Nacional do Cardiologista para incentivar a população a manter os cuidados com a saúde, realizando os exames de rotina para o coração. Por isso, além de iniciar os hábitos listados acima, certifique-se de realizar consultas e exames periódicos, principalmente os cardiológicos.

Quer continuar se informando? Conheça também como realizar exames de rotina durante o isolamento social!

Dia Nacional do Cardiologista: a importância dos exames de rotina para o coração!
Zeit

LEIA TAMBÉM